Crime aberto ao publico..quem quiser ver !!! VENDA DE FILHOTES JACÚ PESSEGO, ZONA LESTE/SP

Estou colocando aqui esta denuncia..Que eu e inumeros protetores ja estão CARECAS DE SABER !!!
 ANOS ISSO ACONTECE NESTE LUGAR...NADA FOI FEITO, NADA É FEITO..
Se não houver um força tarefa DOS PROTETORES...JUSTIÇA...POLICIA..
ESSE SHOW DE HORRORES E SOFRIMENTO DE VIDAS....VAI CONTINUAR
Uma feira ilegal de filhotes de cães coloca em risco a saúde dos animais (por causa do calor, desidratação e do risco de viroses que podem ser fatais) e desafia uma lei municipal todos os domingos nos arredores da Avenida Jacú-Pêssego/Nova Trabalhadores, na Zona Leste de São Paulo.
Mesmo com tempo seco e calor como registrado nos últimos dias, cachorrinhos de diversas raças eram expostos em porta-malas de carros.

Art. 3º São vedadas a venda e a realização de eventos de doação de cães e gatos em praças, ruas, parques e outras áreas públicas do Município de São Paulo.

Exibições: 14124

Responder esta

Respostas a este tópico

Pelo amor de Deus, em que mundo vivemos!

Te respondi por e-mail, NIlce querida.

Esta publicação foi feita em 2012...Uma denuncia que se arrasta por décadas.


FEIRA DA JACU PÊSSEGO, COMERCIO CLANDESTINO DE ANIMAIS -...De décadas..

Ironia ou não...do outro lado dessa mesma av. tem uma feirinha de doação de animais, feita por protetoras, responsáveis.que estão lá com bichinhos vacinados, castrados, recuperados, selecionando famílias para adota-los.

A denuncia deste lugar vem de muitos anos...mas que me lembro de registros (imagens) 2012.----( Forte repressão ao comércio ilegal de cães e gatos na Avenida Jacu Pêssego resulta em 80 animais apreendidos)

( http://www.robertotripoli.com.br/site/index.php…)

..2012 eu fui tentar fotografar, consegui poucas imagens, fui seguida por seguranças, tbém em 2012, outras pessoas registraram,
2013 reportagem denuncia na Record., G1, Esquadrão Pet e Rede Bichos
2014, nova filmagem da Rede Record.

NADA MUDOU...
SEGURANÇAS ARMADOS SÃO PAGOS PELOS COMERCIANTES (gigolos)
FISCALIZAÇÃO??? Somente para os que tentam registrar o terror de maus tratos desse lugar.
Ontem 16 08 2015...mais uma vitima flagrada, filhote dessa feira resgatado pela Adriana Sbano que veio a obito (dentre muitos óbitos que ninguém fica sabendo)

LEMBRANDO QUE:
Tbém na mesma feira, mas de forma mais reservada tbém tem venda de animais silvestres

Eu acho que ja deu o que tinha que dar...........
cade o pessoal UNIDO pelos Beagles da Royal?,
Cadê o pessoal UNIDO nas manifestações da paulista contra maus tratos e morte de animais???
Vão esperar as LEIS SEREM CUMPRIDAS????
Só se for em outra vida...pois nessa???

Acabei de enviar um e-mail para o Deputado Roberto Tripoli, pedindo que o mesmo retome isto, pois é inadmissível, já ter dito uma denuncia, feito o que fizeram de apreensões e ainda continua isto, cobremos das autoridades, fiscalização diária, tem que ter denuncia em cima de denuncia, temos que ser incansáveis, da mesma forma que este povo que pratica estes crimes são incansáveis.

Tem que pressionar, se eles estão lá todo fim de semana, todo fim de semana, o pessoal de proteção tem que estar lá também, coibindo.

JUNTOS SOMOS MAIS FORTES.

 

Gente eu passei la na frente sábado 15/08/2015 e a situação permanece, estava um tremendo sol e os bichinhos não tem nem água ...

A única vez que foi feita uma "batida" lá, com apreensão dos animais, foi quando o então vereador Roberto Tripoli foi junto, pressionou o CCZ (que sempre alega não ter espaço para acolher os animais apreendidos).

E ele continuou fazendo pressão na Sub-Prefeitura, conseguiu a promessa do sub-prefeito que ia colocar policiamento no local, mas parece que não aconteceu.

O problema é sempre o local para levar os apreendidos.  Tem que levar pro CCZ, e nunca tem espaço lá.

Mas fazer pressão com algum tipo de manifestação na sub-prefeitura talvez funcione. Pq sem fazer pressão a gente sabe que nada acontece, o CCZ vai alegar sempre que não tem espaço prá acolher os animais apreendidos. 

obs:  o que aconteceu com o visual da RB?  Está horrível prá ler, as cores das barras superiores escondem o que tem escrito, esse fundo verde é cansativo...  só eu achei isso?   

Isto com certeza é um absurdo, no texto inicial diz que os protetores estão carecas de saber, pergunto:

Já foi feito uma denuncia formal na delegacia de policia onde o Delegado Geral é o Sr. Youssef Abou Chahin ?

Já foram cobrar os vereadores de São Paulo, por que a Lei não esta sendo cumprida ?

Já foi notificado ao Ministério Público do Estado de São Paulo, na pessoa do Procurador Geral Sr. Márcio Fernando Elias Rosa ?

Já foi criada um petição (https://secure.avaaz.org/po/petition/start_a_petition/?source=fp), para terem mais apoio, contra estas crueldades ?

Não sou de São Paulo, mas luto pela causa animal em meu estado e principalmente em meu município, estamos longe de sermos exemplos, mas a policia aqui sempre nos atende e já mandamos vários casos de maus tratos para o Ministério Público.

Criem a petição e compartilhem para podermos ajudar e cobrar as autoridades, caso ela ainda não tenha sido criada.

Pessoal o mesmo esta acontecendo aqui em Cotia, em frente ao Supermercado Wall Mart e também na Ponte do Km 22,8 acesso a Granja Viana, já fui a Secretária do Meio Ambiente da Cidade e fiz Denuncia e soube que outras protetoras também fizeram o mesmo e de nada adiantou, já não sei o que fazer inclusive agora montaram até um Quiosque fixo aonde deixam todo o material utilizado nas feiras durante os finais de semana e feriados.

Nilce boa tarde, segue os procedimentos:

01) Certifique-se que a denúncia é verdadeira. Falsa denúncia é crime conforme artigo 340 do Código Penal Brasileiro.

02) Tendo certeza que a denúncia procede, tente enquadrar o “crime” em uma das leis de crimes ambientais.

03) Neste momento, você pode elaborar uma carta explicando a infração ao próprio infrator e dando um prazo para que a situação seja regularizada. Se for situação flagrante ou emergência chame o 190.

 O que deve conter a carta:

- A data e o local do fato

- Relato do que você presenciou

- O nº da lei e o inciso que descreva a infração

- Prazo para que seja providenciada a mudança no tratamento do animal, sob pena de você ir à  delegacia para denunciar a pessoa responsável

Modelo da Carta (http://www.pea.org.br/educativo/pdf/modelo_notificacao.pdf)

 

Ao discar para o 190 diga exatamente: - Meu nome é “XXXXX” e eu preciso de uma viatura no endereço “XXXXX” porque está ocorrendo um crime neste exato momento.

 Provavelmente você será questionado sobre detalhes do crime, diga: - Trata-se de um crime ambiental, pois “um(a) senhor(a)” está infringindo a lei “XXXXX” e é necessária a presença de uma viatura com urgência.

 05) Sua próxima preocupação é com a preservação das provas e envolvidos. Se possível não seja notado até a chegada da polícia, pois um flagrante tem muito mais validade perante processos judiciais.

 06) Ao chegar a viatura, apresente-se com calma e muita educação. Lembre-se: O Policial está acostumado a lidar com crimes muito graves e não deve estar familiarizado sobre as leis ambientais e de crimes contra animais.

 07) Neste momento você deverá esclarecer ao policial como ficou sabendo dos fatos (denúncia anônima ou não), citar qual lei o(a) senhor(a) está infringindo e entregar uma cópia da lei ao policial.

 08) Após isso, seu papel é atuar junto ao policial e conduzir todos à delegacia mais próxima para a elaboração do TC (Termo Circunstanciado).

 09) Ao chegar à delegacia apresente-se calma e educadamente ao Delegado. Lembre-se: O Delegado de Polícia está acostumado a lidar com crimes muito graves e não deve estar familiarizado sobre as leis ambientais e de crimes contra animais.

 10) Conte detalhadamente tudo o que aconteceu, como ficou sabendo, o que você averiguou pessoalmente, a chegada da viatura e o desenrolar dos fatos até aquele momento. Cite a(s) lei(s) infringida(s) e entregue uma cópia ao Delegado (Isso é muito importante).

 11) No caso de animais mortos ou provas materiais é necessário encaminhar para algum Hospital Veterinário ou Instituto Responsável e solicitar laudo técnico sobre a causa da morte, por exemplo. Peça isso ao Delegado durante a elaboração do TC.

 12) Todo esse procedimento pode levar horas na delegacia. Mas é o primeiro passo para a aplicação das leis e depende exclusivamente da sociedade. Depende de nós!

 13) Nuca esqueça de andar com cópias das leis (imprima várias cópias). 

14) Siga exatamente esse roteiro ao chamar uma viatura e tenha certeza que o assunto será devidamente encaminhado.

 15) Se a Polícia não atender ao chamado, ligue para a Corregedoria da Polícia Civil e informe o que os policiais  disseram quando se negaram a  atender. Mencione a Lei 9605/98

São Paulo

Disque-Denúncia

  181 (ligação gratuita disponível para moradores da Grande São Paulo)

 

- Ministério Público - SP

   www.mp.sp.gov.br / comunicacao@mp.sp.gov.br / meioamb@mp.sp.gov.br

   (11) 3119-9015 / 9016 / R. Riachuelo, 115 - Centro - SP
  
- Promotoria de Justiça do Meio Ambiente

   (11) 3119-9102 / 9103 / 9800 
 
- Corregedoria da Polícia Civil

   (11) 3258-4711 / 3231-5536 / 3231-1775   /  R. da Consolação, 2.333 - Centro - SP
 
- Corregedoria da Polícia Militar: 0800 770 6190 
 
- Secretaria de Segurança Públicawww.ssp.sp.gov.br

 

- Polícia Militar Ambientalwww.polmil.sp.gov.br 
 

PMSP - Comando de Policiamento Ambiental - Efetivo: 2244
  (11) 5082-
3330 / 5008-2396 / 2397-2374
 

Delegacia do Meio Ambiente: (11) 3214-6553

 

Ouvidoria da Polícia: 0800-177070 / www.ouvidoria-policia.sp.gov.br

 

- Prefeitura de São Paulohttp://sac.prodam.sp.gov.br 
 

Superintendência do Ibama: (11) 3066-2633 / (11) 3066-2675

 

- Ouvidoria Geral do Ibama:

   (11) 3066-2638 / 3066-2638 / (11) 3066-2635 / lverde.sp@ibama.gov.br

 

Obrigado pelas orientações, vou buscar saber se eles tem alguma permissão e canil registrado como criador para o comércio dos animais que são de diversas raças, inclusive como eu disse eles construíram um quiosque aonde realizam a feira e talvez a prefeitura tenha dado licença, vai saber.

 

Em registros anteriores mandei e-mails  para o subprefeito de Itaquera, com relação a esse descaso. Nunca recebi nenhuma resposta.. Lei  não é cumprida, nada é feito. O que o Marcos escreveu é certo temos que cobrar do  Ministério Público também.

Tem que denunciar diretamente na policia, subprefeitura, prefeitura, camara de vereadores, não resolvem:

Toda pessoa que testemunhe atentados contra animais pode e DEVE comparecer à delegacia mais próxima e lavrar um Termo Circunstanciado, espécie de Boletim de Ocorrência (BO), citando o 
artigo 32 da Lei Federal de Crimes Ambientais 9.605/98: "Praticar ato de abuso e maus-tratos a animais domésticos ou domesticados, silvestres, nativos ou exóticos ". 

Caso haja recusa do delegado, cite o artigo 319 do Código Penal, que prevê crime de prevaricação: receber notícia de crime e recusar-se a dar o prosseguimento cabível.

E acionar o Ministério Publico.

Muito boa sua explanação Marcos.  Temos que nos mobilizarmos e mandar e-mail para os endereços citados acima pedindo  ajuda. Espero que mais pessoas façam o mesmo

 

RSS

A REDE DOS PROTETORES.

PARCEIROS

Image and video hosting by TinyPic

Campanha pela erradicação da Cinomose

 



 

Programa da Proteção Animal com o Veterinário Wilson Grassi, todas às terças-feiras, às 15h, ao vivo na Radio Mundial (95,7 FM ou 660 AM).

 

Animais para Adoção

Estamos em novo endereço:
Alameda Madeira, no Centro Comercial de Alphaville, no 
estacionamento interno perto da portaria 2. Alphaville SP


Facebook: http://www.facebook.com/AnjosdosBichos

E agora temos o gatil Casa do Davi

https://www.facebook.com/CasadoDavi


Gatos lindos e mansinhos para adoção





Todos castrados e vacinados
Contato: casadodavi@gmail.com

Sara

Sara tem 2 meses e meio e já esta castrada.
Uma excelente gatinha para companhia. Gosta de ficar no colo e receber carinhos, ronronenta.
contato: anjorenatabuono@gmail.com  tel: 11 991984598

Fotos

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

© 2015   Criado por Trika Lopes.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço